CONCESSIONÁRIA INVESTE EM TECNOLOGIA PARA PESQUISA E MELHORIAS NO SISTEMA DE ESGOTO

O objetivo é inspecionar o interior das tubulações por meio de uma câmera e realizar manutenções necessárias de forma rápida e precisa

O Sistema de Esgotamento Sanitário de um município é formado por tubulações que recebem o efluente dos imóveis e o direcionam para serem tratados nas Estações de Tratamento de Esgoto.

Investir em melhorias nesse sistema de Mirassol é uma das prioridades para a Sanessol. Nesse mês, a concessionária iniciou uma pesquisa com o uso de uma tecnologia de ponta em parceria com a Arsae (Agência Reguladora do Serviço de Água e Esgoto de Mirassol).

Trata-se da SeeSnake, uma sonda de 100 metros capaz de filmar, como se fosse uma endoscopia, o interior das redes de esgoto. Primeiro, o time operacional da Sanessol realiza a limpeza das redes com o caminhão Hidrojato para remover qualquer obstrução no trecho, depois a câmera é inserida em um poço de visita para iniciar o mapeamento. As imagens são acompanhadas por um técnico em tempo real e, quando uma anormalidade é avistada, um detector avisa o local exato por Bluetooth e imediatamente uma equipe inicia a manutenção. A princípio, esse trabalho está sendo testado no bairro Renascença e, depois, seguirá para outras regiões da cidade.

“Nosso objetivo é entender melhor o sistema e buscar soluções ainda mais precisas, além de encontrar problemas como redes cruzadas, ou seja, garantir ligações individuais, uma para o esgoto e outra direcionada exclusivamente para água de chuva”, explica o diretor operacional da Sanessol, Antonio Hercules Neto.

“Esse tipo de investimento em tecnologia é muito importante para melhorar cada vez mais os serviços prestados à população de Mirassol. Essa foi uma solicitação da ARSAE e a Sanessol prontamente atendeu”, comenta Pedro Luiz Castelo, diretor-coordenador da Arsae. Castelo acompanhou in loco o primeiro dia de testes feitos com o equipamento e afirmou que a agência reguladora aprova essa iniciativa da concessionária.

A Sanessol buscou essa tecnologia junto a Iguá Saneamento, controladora da concessionária. Atualmente, o grupo está presente em 37 municípios de cinco estados brasileiros: Alagoas, Mato Grosso, Santa Catarina, São Paulo e Paraná, por meio de 18 operações que somadas beneficiam 7,1 milhões de pessoas. “Como somos um grupo, conseguimos utilizar soluções inovadoras que se mostraram eficientes em outras unidades, para serem adquiridas e aplicadas em outras regiões”, comenta Hercules.

www.eloisamattos.com